sábado, 16 de abril de 2011

Recomeço.


Às vezes você precisa de vários sinais pra ver que o caminho que está trilhando não é o certo. Não para você.
E os sinais te avisam dia a dia, mas você continua porque tem medo de  voltar, olhar pra trás e principalmente voltar ao começo, fazer tudo de novo, e a vontade de desistir é tão grande quanto a vontade de tentar.
Volte.
Antes que se perca a essência, a tua.
Antes que seja demasiado difícil achar o caminho de volta.
E que se saiba que se pode recomeçar sempre.
Porque o recomeço é o lugar de renovar suas forças, e recriar talvez os sonhos os desejos, que ficaram no meio do caminho, e retirar aquela pedra que você sempre tropeça, fazer seus novos planos e retomar outros.
E se reconhecer, quando encontrar seu caminho.


2 comentários:

  1. Ainda bem que todo mundo tem uma segunda chance!
    Ainda bem!

    ResponderExcluir
  2. Somente os sábios recomeçam.
    Os incansáveis, os potencialmente fiéis aos seus anseios iniciais. Os pacientes, os focados.

    Esse verbo é tão forte quanto qualquer outro.
    Abandonar erros, desencantar promessas, abalar sonhos falsos que são mais fáceis de desenhar do que a obra de arte que reina em todos nós.

    Ótimo tema xará.
    Um beijo.

    ResponderExcluir